Como será a experiência em hotel em época de coronavírus?

Muitos questionamentos estão surgindo sobre a volta do setor hoteleiro durante a pandemia, por conta disso nós buscamos entender como será a experiência em hotel daqui para frente. Com base nos protocolos de segurança que o Ministério do Turismo do Brasil liberou nós listamos as medidas que as redes hoteleiras devem seguir para garantir a segurança dos nossos amados viajantes. Veja agora como será essa experiência em hotéis daqui para frente:

Experiência ao chegar no hotel

– Na recepção: distanciamento de, no mínimo 1,5 metros entre os hóspedes;  

– Atendimento preferencial às pessoas do grupo de risco (idosos, diabéticos, hipertensos e gestantes);

– Uso obrigatório de máscara o tempo todo nas áreas comuns, tanto para hóspedes quanto para funcionários;

–  Incentivo do pré-check-in online, o ideal é que o hóspede preencha sua ficha cadastral online, que pode ser feita na hora que a reserva é realizada online;

– Disponibilizar álcool em gel 70% em locais estratégicos, como na entrada do hotel, no balcão de atendimento, no acesso aos elevadores;

– Estimular o autosserviço de bagagens e estacionamento, caso seja necessário o serviço o funcionário deve higienizar antes e depois as mãos;

– Redução de móveis na recepção, como sofás, cadeiras, espreguiçadeiras para assim evitar que as pessoas permaneçam no local. 

Experiência nas áreas comuns

– Academias de ginástica, saunas, solários e espaços de descanso devem ser usados com agendamento prévio (hora marcada) e após o uso dos equipamentos os mesmos devem ser desinfetados por profissionais conforme
as normas de limpeza;

– Proibição da utilização de piscinas;

– Esporte de lazer em áreas ao ar livre devem respeitar os protocolos de higiene e distanciamento social.

Experiências na alimentação

– Distância mínima entre mesas e cadeiras de 1,5 metros; 
 
– Para restaurantes e bares com espaços reduzidos, deve-se considerar a reserva antecipada de horários; 
 
– O serviço de café da manhã deve respeitar o mesmo distanciamento das mesas quando servido em
espaços pequenos, seguindo as recomendações do serviço empratado ou em pequenas porções personalizadas para a pessoa ou grupo familiar. Existe a possibilidade de ser oferecido em room service;
 
– Estações de buffets só podem ser usadas quando totalmente fechadas, havendo funcionários para servir
individualmente os hóspedes. Os alimentos não podem ficar expostos.
 
Higienização dos quartos
 
– Ao final da estada do hóspede, deverá ser realizada limpeza e desinfecção completa da unidade habitacional e de suas superfícies – antes da entrada de novo hóspede – com produtos de higiene específicos e com protocolos de segurança para o colaborador;
 
– A limpeza da unidade habitacional deve acontecer com o ambiente ventilado deixando portas e
janelas abertas e ar-condicionado desligado;
 
– Definir funcionários diferentes para a limpeza do quarto para assegurar: a) primeiramente, a
remoção do enxoval do quarto (roupa de cama e banho), lixo, etc., e toalhas; b) outro profissional dedicado apenas à limpeza. Os profissionais devem usar os Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s):
luvas de procedimento, óculos, avental e máscara descartável, ou outros se necessário;
 
– Ao remover a roupa de cama, retirá-la sem sacudir, enrolando-a no sentido de dentro para fora
(Dentro: parte em contato com o colchão. Fora: parte em contato com o hóspede) fazendo um “embrulho”. Recomenda-se não encostar a roupa no corpo.
 
– Transportar as roupas e acondicionar em sacos plásticos de forma a evitar o contato direto. 
 
Acreditamos que agora você tenha tirado todas as suas dúvidas sobre a sua experiência em hotel daqui para frente e caso agora você decida ou precise viajar, no nosso aplicativo você encontra os melhores hotéis.

Baixe o aplicativo

Compartilhe no:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Leia também: